semana de 10 de maio

1. TV e OUTRAS PLATAFORMAS

Semana cheia de finales: Castle e Jane The Virgin na segunda, Chicago Fire na terça, CSI Cyber na quarta, Scandal e Blacklist na quinta e, para terminar a semana, domingo é o dia que, como diz Fabiana, as mulheres vão ficar viúvas de Don Draper. AMC reprisou todos os episódios de todas as temporadas  de Mad Men desde quarta às 6 da tarde e (toda) imprensa não fala de outra coisa, afinal foi uma série que mudou a história da TV.

Até o crítico de TV Alan Seppinwall deu seu depoimento pessoal sobre a saudade que vai sentir de escrever sobre Mad Men http://www.hitfix.com/whats-alan-watching/why-ill-miss-staying-up-to-ridiculous-hours-to-review-mad-men

Uma retrospectiva interativa e virtual realizada pela Lionsgate com Google Play repassa todas as temporadas de Mad Men pela década de 60. É fantástica, chique. Tem mais de 300 peças, parece uma exposição. The Mad Men Experience: https://madmen.withgoogle.com/’

10 séries quesó existem por causa de Mad Men: http://variety.com/2015/tv/news/mad-men-finale-breaking-bad-masters-of-sex-1201497540/

David Letterman também chegando na reta final de seu late night, recebeu Julia Roberts, George Clooney, Tom Waits e Oprah, entre muitos outros.

Wayward Pines da Fox finalmente estreou mundialmente na quinta e foi vista por 1 milhão de pessoas em países onde há medição. As melhores performances foram na Australia e Alemanha.  Nos EUA não foi muito bem, já que era finale de Scandal: Wayward fez 3.8 milhões, contra 8.6 milhões.


2. NOTICIAS, BRANDING & MARKETING

Uma das associações culturais especializadas em mídia mais bacanas de NY é o Paley Center for Media. E eles tiveram dois super eventos com red carpet esta semana: na quinta, o cast de Scandal reunido antes do finale para falar sobre a temporada e um evento de gala em eeconhecimento à colaboração da comunidade Afro-Americana para a televisão na quarta. No Tributo, que aconteceu no  Cipriani Wall Street, as estrelas negras da TV:  Gabrielle Union, Gladys Knight, Brandy, Oprah Winfrey, Michael Strahan, Cicely Tyson,  Lee Daniels , Gayle King, etc.

Univision ofuscou todos os outros upfronts em NY esta semana quanto trouxe o ex presidente Bill Clinton para falar de “inclusão racial” com uma das âncoras do Fusion.

Vince Gilligan criou uma campanha em benefício da Geffen Playhouse onde ele vai premiar um fã de Breaking Bad com uma viagem para Los Angeles (por conta dele, Vince) para jantar com ele e falar sobre TV. A campanha chama-se Omaze e não é a primeira vez que os atores de Breaking Bad se envolvem com doações/caridade – Bryan Cranston levantou 303 mil dólares para e Aaron Paul levantou 1.8 milhões paral de edução.  Vince é um fofo: https://www.youtube.com/watch?v=e2qQbvAcOE4

A agência Unruly (publicidade em redes sociais) divulgou uma pesquisa esta semana que revela que 80% dos millenials veria um episódio de uma série na TV se os amigos de suas redes sociais postassem um clip do programa ou um promo (enquanto que apenas 66% do espectador médio).  Mas o relatório indica também que 10% a menos destes millenials compartilharia um promo de TV (o que significa que os promos não estão atraentes o suficiente para os millenials):

Ted Sarandos da Netflix diz que seu interesse é crescer o número de produções originais.
http://variety.com/2015/digital/news/netflix-ted-sarandos-original-series-1201494618/

3. DESENVOLVIMENTO

O A&E parece estar numa fase “negra”: depois de Bates Motel e os mortos-vivos de The Returned, eles estão desenvolvendo uma série baseada no clássico dos anos 70, The Omen. Damien, como vai se chamar a série, era originalmente para o Lifetime. Está sendo escrita por Glen Mazzara (showrunner de 3 temporadas de The Walking Dead) e terá 10 episódios.
Ex-CEO da Sony, Tommy Mottola está trabalhando com a HBO no desenvolvimento de um documentário sobre música, The Latin Explosion, que vai contar a história da música latina e sua influência na cultura americana. Será narrado por John Leguizamo e terá  Jennifer Lopez, Ricky Martin, Shakira, George Lopez, Gloria Estefan, Sofía Vergara, Thalía, Marc Anthony e Eva Longoria. Deve ser lançado em Sundance em 2016.

(Nota pessoal: escrevi e dirigi um documentário sobre este assunto para a Fox no ano 2000 e fui indicada a um Emmy Internacional. O 1º ep era só sobre música: https://www.youtube.com/watch?v=olJhRxko1G0&list=PL86C1EBBF5DF170D0)

Discovery ID está desenvolvendo uma docu-série sobre mulheres que estão presas nas maiores penitenciárias americanas. Women in Prison (3×60′)  está sendo posicionado como “a versão original de Orange is The New Black”, retratando a vida de 6 prisioneiras das 600 mulheres detidas na Indiana Women’s Prison.

 

4. INSPIRAÇÃO

As 100 pessoas mais criativas da indústria atualmente segundo a Fast Company: http://www.fastcompany.com/section/most-creative-people-2015