semana de 27 de julho

NA TV

No domingo passado, a estréia de I am Cait no E! foi muito bem: nº 1 na TV a cabo, 2.7 milhões ao vivo e 3.9 milhões com DVR. Há um fascínio inegável com tudo que Cait Jenner faz porque é genuíno, nada ali é criado para publicidade, há uma história e a história é real (é só ver a mãe de 89 anos, que roubou a cena, dizendo o quanto é difícil para ela). Bravo reprisou o primeiro episódio na quinta e os blogs de moda estão maravilhados com a classe de Caitlin (que tem a mesma stylist de Angelina Jolie).

Há duas semanas o Today Show da NBC voltou a liderar os infotainments da manhã. Se ganhar o mês será o primeiro desde 2012. No primetime, o VH1 está tendo números excelentes com Love & Hip Hop Atlanta, uma docu-novela já na quarta temporada (3 milhões ao vivo — público que vai massivamente para Empire quando voltar ao ar no final de Setembro).

Um promo curioso do Cooking Channel, onde o chef Aaron Sánchez realmente vestiu a personagem: para promover seu novo programa Taco Trip  recriou cenas de telenovelas mexicanas .https://www.youtube.com/watch?v=PjSqNQjAFz0

sesame-street-movieEstreou sábado na Univision, uma versão da Vila Sésamo em espanhol, Sesame Amigos. Com Elmo, Cookie Monster e todo elenco, são 26 eps. de 30 min que também vão contar com celebridades latinas, como Diego Luna e Vahdir Derbez.

OUTRAS PLATAFORMAS

Apple, Amazon e Google cresceram recentemente com a promessa de ser uma alternativa à televisão, mas o FCC, orgão que regulamenta a TV americana, está considerando regulamentar seus serviçosm assim como fazem com as distribuidoras de programação a cabo e satélite, como Comcast, Dish Network e Cox. A idéia, de acordo com o presidente do FCC Tom Wheeler, é ajudar os provedores de vídeo online a serem concorrentes mais fortes e fazer  a programação da web valer mais.  Uma proposta deve sair em outubro.

Vice está promovendo seu novo canal feminino Broadly, que estréia na segunda, com imagens do mesmo estilo de Vice, com mulheres repórteres documentando assuntos de forma “dura e crua”. Alguns exemplos: um vilarejo no Kenya povoado  só por mulheres, um supermercado de sexo na Espanha, bares para lésbicas e a proibição no japão da “arte-vagina” . O título é um pouco sexista: “broad” é uma gíria que significa mulher vulgar e o YouTube descreve o canal para “a mulher que conhece o seu lugar. Sexo, política, cultura e feitiçaria”.

Amazon Studios vai estrear dois novos pilotos importantes esta semana: Sneaky Pete, de  David Shore e Bryan Cranston, e Casanova, sobre o mítico amante italiano do século 18. A partir da reação do público, as séries entram ou não em produção. Sneaky Pete, da Sony, tem Giovanni Ribisi no papel principal, um criminoso que sai da prisão e assume a identidade de seu ex-companheiro de cela. Já Casanova foi todo filmado em Veneza e Paris, tem Diego Luna no elenco e é dirigido pelo diretor de Amelie, Jean-Pierre Jeunet.

NBCUniversal está negociando um grande investimento em dois start-ups digitais  populares entre a geração millenial, BuzzFeed e Vox. Serão $250 milhões para o BuzzFeed, site de cultura pop que está entrando no jornalismo, e 850$ milhões para o Vox, especializado em esporte (SBNation), tecnologia (The Verge) e notícias (Vox.com)

MARKETING

O CCO do Netflix, Ted Sarandos, abriu os trabalhos da semana de imprensa do TCA em Los Angeles na terça, com noticias de suas novas produções: Fuller House, Jessica Jones e mais eps do sucesso do Cartoon, BoJack Horseman. Ele anunciou mais 475 horas inéditas do Netflix este ano: 16 séries de ficção, 9 documentários, 12 especiais de stand up e 17 séries infantis.

Viacom apreentou suas novidades na quarta, com destaque para Trevor Noah, que vai substituir Jon Stewart no Daily Show a partir de 28 de Setembro. Noah disse que uma das mais valiosas lições de Stewart foi para fazer comédia e não jornalismo. A equipe criativa será quase toda a mesma.

Esta semana será a última no ar de Jon Stewart. Bill Carter, o melhor jornalista de TV daqui, conversou com ele para Hollywood Reporter e explica como ele mudou a TV para sempre.

Na próxima quarta, dia 5, a um ano das Olimpíadas no Rio, a NBC vai exibir um promo de 1 minuto em rede (em seus 18 canais) com highlights do Rio e dos atletas-estrela dos EUA, como  Michael Phelps e Allyson Felix. Em Novembro, o comitê olímpico levará 100 atletas para o estúdio em LA para gravar entrevistas que a NBC vai usar para construir histórias emocionantes.  O objetivo é recuperar seu investimento de 1.2 bilhões e uma das grandes apostas da NBC é nas ginastas, em especial Gabby Douglas e Simone Biles (já fica a sugestão: a Sony tem um documentário com a história de Gabby).

Uma das melhores razões para usar vôos diurnos em distâncias largas é a oportunidade de conhcer o acervo de vídeos. Hoje em dia, a American tem acordos com HBO e NBC Universal, mas um inventário de (ótimos) filmes clássicos. Jet Blue, que foi pioneira em trazer TV ao vivo e wi-fi grátis, a partir de setembro terá as séries da Amazon. Virgin Atlantic terá acesso ao Netflix, video game retro (Pac Man) e mais um catálogo de filmes. Air France e El Al oferecem um aplicativo que dá acesso a 50 filmes e séries de TV antes de voar, além de jornais e revistas. Alaskan exibe filmes de festivais de cinema recentes. E a British, mais bizarra, oferece canais curados por eles, como Paws & Relax, com gatinhos e cachorrinhos, e Slow TV, com imagens de uma pessoa tricotando por horas ou uma viagem de trem de 7horas e meia sem edição (juro….)

32048_2Começou ontem o leilão de peças do cenário e figurino de Mad Men.  Dos ternos de Don a seu Cadillac Coupe de Ville, dos badulaques de mesa de Joan ao anel de noivado de Megan, há 1400 peças disponíveis com lances começando em 50-100 dólares.  Até dia 6 no ScreenBid

DESENVOLVIMENTO

Oxygen está desenvolvendo um spin-off de seu maior sucesso Snapped, Snapped: She Made Me Do It, para estrear ainda este ano. A série vai contar com testemunhas, entrevistas e dramatizações de crimes orquestrados por mulheres.

OWN está desenvolvendo um drama familiar épico que tem como tema de fundo uma mega igreja de Memphis, que atua como centro comunitário para os negros do Tennessee.  Greenleaf está sendo escrito por um ex-roteirista de Six Feet Under e Lost, Craig Wright e produzido pela Lionsgate. O outro grande investimento de ficção do canal éa série  de Ava DuVernay (de Selma), Queen Sugar.

A série que Cindy Crawford está fazendo para a NBC/Universal, Icon,  é uma versão totalmente ficcional da guerra entre as duas grandes agências dos anos 80, Elite e Ford Models. É o primeiro trabalho de produção de TV de Cindy, que será assistida pela atriz Anne Heche e James Tupper.  O roteiro é de Robin Bissell (de Hunger Games).

WGN America e Electus, produtores de Jane the Virgin, começaram a desenvolver um drama chamado El Double, baseado em formato da Caracol e Televisa, Tiro de Gracia. El Double é sobre um ardiloso traficante mexicano que contrata um ator americano meio caído como seu dublê para poder escapar da polícia e de seus inimigos integrantes do cartel.

INSIGHTS

Sling TV está no mercado há cinco meses e é a principal opção para aqueles que querem evitar os pacotes de cabo.Uma entrevista com seu CEO Roger Lynch descreve como eles planejam “tornar a TV algo simples outra vez”.

Uma boa entrevista com Gil Goldschein, responsável por uma das melhores produtoras de realities americanas, Bunin-Murray (que fez The Real World, “onde tudo começou”, Project Runway e I am Cait).