semana de 12 de outubro

NA TV

Domingo foi a volta de The Walking Dead (AMC), mas a audiência não foi estrondosa, 15% mais baixa que a estréia da temporada no ano passado. Na segunda, Jane The Virgin (CW) também voltou de forma modesta, programada logo depois da estréia de Crazy Ex-Grilfriend (sobre outra ex-namorada louca que se muda para um suburbio de Los Angeles atrás do Ex) –  1MM cada. Fargo também voltou, mas mudou de dia e sua audiência caiu 40% (mesmo assim, fez 1.6 milhões).  Terça foi dia de Debate Democrata, que bateu recorde para os democratas na CNN (talvez efeito de Donald Trump e os debates republicanos): 15 milhões. Empire continua caindo – pouco, mas caindo, consequencia direta da história fraca, mas ainda é líder com 12 milhões.

Adicionando-se os números de DVR (3 dias), American Horror Story dá resultados excelentes ao FX (9.1 milhões).  Walking Dead (do AMC) e a nova Quantico (da ABC) também ganham no delay de 3 dias: Walking Dead ganha mais 5 milhões, totalizando 19, e Quantico, que está se provando uma nova série com potencial, ganha mais 4, totalizando 9.79 milhões.

Ainda é cedo para julgar, mas dos novos dramas, os melhores resultados por enquanto estão com Blindspot (NBC) e Quantico (ABC).

Dois vídeos curiosos que chamaram a atenção: um promo para Project Runway Junior (Lifetime) E um PSA (anúncio de utilidade pública ) produzido pela cidade de West Hollywood na California em parceria com National Georgraphic para chamar atenção da seca na cidade. Aproveita a febre de Game of Thrones e faz uma paródia divertida. Aqualidade pode não ser excelente, mas o recall é fácil:

 

NOTICIAS, MARKETING e OUTRAS PLATAFORMAS

big-bang-theory-ucla-scholarshipsCom taças de cidra, Chuck Lorre e o elenco de The Big Bang Theory receberam os 20 alunos da UCLA ganhadores de bolsas de estudo nas  áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática. A Bolsa, que se chama The Big Bang Theory Scholarship Endowment já levantou mais de US $ 4 milhões contribuintes da indústria do entretenimento. Vinte estudantes foram selecionados este ano e mais cinco serão adicionados anualmente.

Telemundo,  um dos canais com maior alcance em redes sociais, com 60 milhões de seguidores, está lançando uma nova unidade de negócios para tirar proveito disso comercialmente. Vai se chamar Co-Lab e está sendo criada com target de millenials. É o mesmo que branded content, mas com conteúdo gerado de forma mais orgânica, original de redes sociais e focada no mercado hispânico.

seesoo__twocolumncontentOutra notícia que vem do grupo (NBC Universal) esta semana é o anúncio de seu serviço OTT especializado em comédia. Vai se chamar Seeso, ter conteúdo original e de acervo, sem anúncios e disponível a $3.99 por mês a partir de janeiro de 2016 (em beta para convidados em Dezembro) Alguns títulos do canal: The Tonight Show Starring Jimmy Fallon, Late Night with Seth Meyers e Saturday Night Live”, bem como as versões americana e inglesa do The Office,Parks and Recreation, 30 Rock, Monty Python’s Flying Circus e The Kids in the Hall. Uma das comédias originais será produzida por Dan Harmon, Harmon Quest, misturando animação e live action.  Outro é The UCB Show, de Amy Poehler, Matt Walsh, Ian Roberts and Matt Besser. Um dos diferenciais de Seeso será a capacidade de “search” enquanto assistem um programa.

Comedians in Cars Getting Coffee é o principal responsável pelo lucro do Crackle da Sony, agora com 18 milhões de usuários. O serviço de VOD começou apenas como site e hoje já está em diversas plataformas (consoles, smartphones, etc). E lentamente começam a produzir outros originais, uma delas sendo lançada esta semana. A análise é da Associated Press.

Netflix, com o firme propósito de dominar o mundo, está cogitando entrar no ramo de notícias para competir com Vice. Nos próximos dois e três anos, devem lançar uma série de documentários (um deles tem foco na natureza, Our Planet) e um talk show (Chelsea Handler). Ted Sarandos só não está interessado em notícias.

 

DESENVOLVIMENTO

Estamos em temporada de desenvolvimento e algumas tendências já podem ser notadas para a próxima temporada de 2016:  remakes, super heróis, estrelas do mundo digital e centrados em música, como uma série baseada nos últimos dias de The King of Pop (Michael Jackson), da Warner e outra baseada na vida de Sean Combs (p Diddy) como assistente na indústria musical (ABC). Atlanta, uma cidade americana que também abriga música, é tema de três séries: Atlanta, de Donald Glover para o FX, The Down Beat, de Ryan Seacrest para ABC e Brothers in Atlanta, na HBO. Dos remakes, My Best Friend’s Wedding (o filme com Julia Roberts) vai virar série para ABC, além de outra Ilha da Fantasia, com elenco feminino (produção Sony). Super heróis: Hellfire, uma mulher com habilidades fantásticas (Fox), Legion (FX) e Black Stiletto (ABC), sobre a evolução de uma mulher contemporânea  que se torna super heroína quando sua família está em perigo.

Estrelas do YouTube que ganharam séries: Grace Helbig ganhou um late night show no E!, Chester See ganhou um contrato de desenvolvimento na ABC Family, Issa Rae ganhou papel na nova série sobre o neo-feminismo de Lena Dunham,, Max, (esta notícia saiu no Brasil, que surpreendentemente agora fala de desenvolvimento também !?!) e sua própria série na HBO baseada em seu canal The Misadventures of Awkward Black Girl.

CBS está desenvolvendo uma comédia que se passa no ambiente de trabalho (workplace comedy) de dois autores de Modern Family (Paul Corrigan e Brad Walsh).  Workplace é uma comédia single-camera que se passa em um prédio de três andares, cada andar com uma empresa: uma de um cara que ficou rico ao desenvolver um aplicativo, uma imobiliária e um café adminsitrado por duas irmãs. Será produzido pela Fox.

Harry é uma produção da NBCUniversal que vai ser exibido (surpreendentemente) em canais da Fox durante o dia a partir do outono do ano que vem. É um grande investimento para o daytime da Fox: um programa de variedades apresentado pelo cantor Harry Connick Jr. com povo fala cômico, música ao vivo e surpresas para o espectador ao vivo.

 

ANALISES e INSIGHTS

Esta  análise é do Variety sobre como o Today reagiu à queda de audiência 3 anos atrás e voltou a subir e bater o Good Morning America.

Saiu a lista do Hollywood Reporter dos melhores showrunners de 2015. Desta vez eles dividiram em ratings magnets (audiência infalível), heavyweights (o conjunto da obra é importante), pop icons e network ambassadors.

Dados sobre millenials e a economia (confirmação científica: é a geração que mais gasta com computadores, tablets e smartphones)

O prefeito do Rio, Eduardo Paes, diz ao Washington Post que tem ambições para as olimpíadas, mas que os gastos serão medidos porque “tem consciência”