semana de 21 de dezembro

As maiores audiências de programas de TV este ano:

maioresaudiências2015

Já o ranking de canais a cabo em 2015 indica a queda de audiência na maioria dos canais. Os de notícia subiram, HGTV e AMC subiram, Discovery subiu 10%. Mas Tru TV foi o canal que mais perdeu audiência em comparação a 2014: 26%. A&E perdeu 26%, History, 19%, USA perdeu 16%,  caindo para tercceiro no ranking, atrás de TBSESPN, mesmo em primeiro lugar, caiu 9%. O ranking de 2015 é o seguinte (média do ano inteiro, 7 dias por semana, prime-time, A18-49):

ESPN: 2.022 milhões
TBS: 1.876 milhões
USA: 1.850 milhões
Disney: 1.784 milhões
Fox News: 1.775 milhões
TNT: 1.766 milhões
Discovery: 1.549 milhões
History: 1.536 milhões
HGTV: 1.498 milhões
AMC: 1.443 milhões
Adult Swim: 1.307milhões
FX: 1.251 milhões
Food Network: 1.129 milhões
Lifetime: 1.065milhões
Nick at Nite: 1.027 milhões
Syfy: 1.006 milhões
ABC Family: 985,000
A&E: 959,000
TLC: 944,000
ID: 891,000
Hallmark: 881,000
Bravo: 872,000
Spike: 790,000
CNN: 672,000
Animal Planet: 652,000
Disney Junior: 644,000
VH1: 642,000
TV Land: 608,000
MTV: 606,000
BET: 598,000
MSNBC: 576,000
Comedy Central: 569,000
E!: 568,000
National Geographic Channel: 544,000* (empate)
OWN: 544,000* (empate)
WETV: 523,000
truTV: 476,000
Lifetime Movie Network 462,000
Nick Jr.: 440,000
Travel: 438,000
GSN: 434,000
ESPN2: 432,000
FXX: 413,000
Hallmark Movies: 410,000
FS1: 406,000
INSP: 389,000
NBCSN: 381,000
CNBC: 375,000
Disney XD: 370,000
H2: 348,000

Aqui a comparação com 2014:

screen-shot-2015-12-22-at-7-08-40-pm

 

Mais números…. O aumento da percentagem de cord-cutters entre os jovens 18-24, numa pesquisa do Pew Research Center: 15% cortaram a assinatura, enquanto 24% não tem TV paga em casa.  Dentro destes 24% sem TV, a percentagem de casas com “smartphone only” é de 25%, tendo crescido  5% se comparada com 2013.

Print

 

Mas para terminar o ano, o trailer da última temporada de Donwton Abbey que está passando no cinema nas sessões de Star Wars, isto é, um bom investimento que deve resultar em audiência (ao vivo e VOD).